.memória.

Ela quase não sentiu o dedo dele penetrar pelos eixos dela. Estava tão molhada, tão lisa, tão suave que chegou a duvidar da carne dele dentro dela. Um desejo sendo realizado nos profundos dos tremores dela. Um impulso nervoso levando ao cérebro fervilhante uma camada submersa de prazer. Ela sabia viver o melhor momento do […]